VAMOS FURUNGAR 2: Mourão diz confiar em Bolsonaro. A propósito: não deveria ser o contrário?

Publicada: 14/12/2018 - 7:42


Nas democracias convencionais, é o presidente que costuma expressar sua confiança no vice. Dada a forma como a estamos vivendo no Brasil, é o futuro vice que, em entrevista ao Estadão, diz confiar no futuro presidente. Trata-se de uma daquelas manifestações de que já tratei aqui, em que o ambiente da caserna se desloca para o da política. Afinal, pouco interessa saber se um capitão, como Jair Bolsonaro, confia no general. Mas é relevante que um general confie num capitão. Indagado sobre o silêncio do tal Fabrício Queiroz, afirmou Mourão: “Eu não sei. Eu não tenho conhecimento do assunto. Eu tenho de ir pela palavra do presidente e eu confio na palavra dele.”
Continua aqui