Bolsonaro é, ele mesmo, o partido; é outra até a sua língua. Ele fala Bolsonaleto, idioleto só dele, mas que seus eleitores julgam entender

Publicada: 13/06/2018 - 5:58


Jair Bolsonaro, o pré-candidato, como se sabe, é mesmo um partido. O PSL lhe deu legenda. Qualquer outro poderia tê-lo feito desde que o homem pudesse exercitar o “Bolsonaleto”, que é a ideoleto de… Bolsonaro. O que é um “idioleto”? É um sistema linguístico pessoal, de um só indivíduo. Se o capitão da reserva fosse um jagunço dotado de algum lirismo, poderia ser uma personagem de Guimarães Rosa. Mas o lirismo passou longe dali. A maior parte das coisas que diz não faz sentido porque não guarda conexão mínima com a realidade dos fatos. E, quando faz, o que se nota é a falência da convicção. Sempre que Bolçonaro tenta parecer tolerante, a gente constata o exercício do mau ator. Isso quer dizer que sua brutalidade é, sim, sincera. Sua tosquedade é genuína.

Continua aqui

Recomendado para você