Candidato no RJ, ex-juiz recebeu auxílio moradia tendo imóvel próprio

Publicada: 11/10/2018 - 6:07


Na Folha:
O ex-juiz Wilson Witzel (PSC), candidato ao governo do Rio de Janeiro, recebeu auxílio moradia enquanto exercia a magistratura mesmo tendo imóvel próprio na capital onde atuava.

Dados do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) apontam que ele recebia R$ 4.377 pelo benefício, ainda que fosse dono de um imóvel no Grajaú, zona norte da cidade.

Não há ilegalidade no ato, embora membros da magistratura reconheçam o constrangimento com o pagamento do benefício. Ele é visto na categoria como uma compensação pela falta de recomposição salarial desde 2015.

O imóvel foi adquirido em 2004, quando Witzel morava no Rio de Janeiro. Ele se mudou para o Espírito Santo e retornou em 2011, em razão de ameaças de traficantes.

A casa foi parcialmente financiada e teve sua quitação integral comunicada ao registro de imóveis em agosto deste ano. As parcelas foram estipuladas em R$ 2.500 quando foi firmado o empréstimo, em 2004, mas não há dados sobre quais eram os seus valores atualizados.

O CNJ informa apenas os pagamentos feitos a partir de novembro de 2017. Witzel recebeu auxílio moradia até fevereiro deste ano. Ele se tornou ex-magistrado em março, quando teve a exoneração do cargo oficializada. Ele não recebe aposentadoria de juiz federal.

O site do TRF-2 (Tribunal Regional Federal da 2ª Região), onde está disponibilizado os vencimentos desde 2010, não detalha os benefícios recebidos. O auxílio moradia faz parte do grupo de verbas indenizatórias dos magistrados, não sendo possível identificar o pagamento deste item específico. Os valores totais, contudo, são coincidentes aos divulgados pelo CNJ.
(…)

Recomendado para você