PSL ignora denúncias contra Flávio Bolsonaro, e Major Olímpio afirma que o “Zero Um” vai integrar a Mesa do Senado. E se fosse do PT?

Publicada: 06/02/2019 - 7:45


Major Olímpio, líder do PSL no Senado: Flávio será o homem da Mesa. Que coisa, né?

Política e família não deveriam se misturar. No caso dos Bolsonaros, a coisa já vem embolada desde a origem. E parece que há por ali certa dificuldade de reconhecer problemas objetivos. Segundo o senador Major Olímpio (PSL-SP), o partido indicou ninguém menos do que Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), o Primeiro Filho, para integrar a Mesa Diretora do Senado — na função de Terceiro Secretário. Uma de suas tarefas será lidar com os imóveis da Casa. Os bem-humorados dirão que ele tem experiência na área. Pois é. Ao fazer essa escolha, o bolsonarismo indica como pretende tratar as acusações e evidências de malfeitos que surgirem no seu quintal. As coisas já não andavam bem para Flávio. Depois da indicação, pioraram um pouco.
Continua aqui